Siga nas Redes Sociais

Olá, o que procuras?

Eleições 2022

TSE registrou votos para Bolsonaro em municípios do Amazonas, ao contrário do alegado em imagens

As postagens são ilustradas por imagens que seguem o mesmo padrão visual, começando com as perguntas “Você é dessa cidade?” e “Votou no Bolsonaro?”, e terminando com a orientação: “Procure o TRE e denuncie”.
Foto: Divulgação

Não é verdade que o presidente Jair Bolsonaro (PL) não tenha recebido nenhum voto em pelo menos 12 municípios do Amazonas nas eleições de 2022, como afirmam usuários nas redes sociais. Publicações com essa alegação foram compartilhadas mais de 500 vezes desde 5 de novembro, em imagens que seguem o mesmo padrão visual. Porém, o portal de resultados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) permite conferir que o candidato obteve, sim, votos em todos os municípios citados em ambos os turnos da eleição de 2022.

“Se você é das cidades abaixo e votou no Bolsonaro, procure o TRE e DENUNCIE, pq seu voto NÃO FOI COMPUTADO!!!”, diz uma das publicações compartilhadas no FacebookTwitterInstagram e Kwai.

As postagens são ilustradas por imagens que seguem o mesmo padrão visual, começando com as perguntas “Você é dessa cidade?” e “Votou no Bolsonaro?”, e terminando com a orientação: “Procure o TRE e denuncie”. O nome da cidade varia dependendo da publicação, chegando a pelo menos 12 locais onde o candidato à reeleição não teria recebido nenhum voto.

Combinação de capturas de tela feita em 9 de novembro de 2022 de publicações no Facebook ( .)

As imagens também foram encaminhadas ao WhatsApp do AFP Checamos, para onde os usuários podem enviar sugestões de conteúdos vistos em redes sociais, caso duvidem de sua veracidade.

Porém, uma consulta aos dados da apuração por municípios no site do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) mostrou que o candidato do PL teve votos computados em todas as cidades analisadas neste texto.

A seguir, o Checamos destaca os votos recebidos por Jair Bolsonaro nos municípios amazonenses mencionados pelas publicações, em ambos os turnos da eleição de 2022.

Em São Paulo de Olivença foram 2.022 votos no primeiro turno e 2.231 votos no segundo; em Amaturá 1.148 votos, seguidos por 1.182; em Benjamin Constant, 2.372 votos e 2.623; Parintins teve 7.930 votos e 8.809; Maués teve 3.705 votos no primeiro turno e 3.701 no segundo; Manicoré, 7.486 e 8.056; Santo Antônio do Içá, 3.027 votos, seguidos por 3.150; Borba, 3.231 e 3.281; Barreirinha, 1.207 e 1.327; Carauari teve 2.690 votos, seguidos por 2.936; em Tabatinga foram 7.795 e 8.582; e, por último, Itamarati, com 1.124 votos no primeiro turno e 1.106 no segundo.

Uma consulta mais detalhada mostrou, ainda, que Bolsonaro recebeu votos em todos os 62 municípios amazonenses em ambos os turnos da eleição, somando ao todo 880.198 votos na região no primeiro turno e 961.741 no segundo.

As imagens surgem em meio a manifestações que endossam o discurso de uma suposta fraude nas eleições em 2022. Para Alexandre de Moraes, presidente do TSE, não há nenhum indício de irregularidades no pleito de 2022.

Segundo um levantamento realizado pelo portal g1, algumas seções de fato não registraram votos para o presidente Jair Bolsonaro no segundo turno das eleições, mas, de acordo com o estatístico e professor da Universidade de São Paulo, Francisco Louzada Neto, isso não comprova fraude nas urnas.

Ao AFP Checamos, Louzada afirmou que o fato de algumas urnas não apresentarem votos para determinado candidato não é uma anomalia do ponto de vista estatístico. Além disso, o mesmo ocorreu com o candidato Luiz Inácio Lula da Silva (PT), principal adversário de Jair Bolsonaro no pleito de 2022.

“Zero votos em um determinado candidato está dentro do espaço probabilístico, ou seja, tem uma probabilidade não nula de ocorrência. Particularmente em um reduto em que um dos candidatos é praticamente unanimidade”, disse o estatístico.

Clique para comentar

Envie seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

sete + 1 =