Siga nas Redes Sociais

Olá, o que procuras?

Política

Wilson Lima recebe apoio de empresários e executivos do Polo Industrial de Manaus

Pré-candidato à reeleição ao Governo, ele destacou a importância econômica da ZFM e a luta para defendê-la
Fotos: Alex Pazuello

O governador Wilson Lima, pré-candidato à reeleição pelo União Brasil, participou nesta noite, 9 de agosto, de um jantar no Sesi Clube do Trabalhador, zona leste da capital, onde recebeu apoio de empresários e executivos do Polo Industrial de Manaus (PIM).

Ao lado da primeira-dama do Amazonas, Taiana Lima, Wilson conversou com representantes de indústrias da Zona Franca de Manaus (ZFM) e destacou a luta em defesa do modelo.

Wilson ressaltou a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de ontem, 8 de agosto, que suspendeu os efeitos do decreto presidencial 11.158/2022 para produtos da ZFM. O decreto reduziu o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) no país. A decisão foi do ministro do STF, Alexandre de Moraes, que atendeu ao pedido de aditamento feito por Wilson Lima no dia 3 de agosto, por meio da Procuradoria Geral do Estado.

“Imagina quantas famílias ficariam desamparadas. Há um fomento de cadeias importantes como a do açaí, a do guaraná lá no município de Maués, onde a Ambev mantém uma plantação e o maior banco genético de guaraná do mundo. Todas as atividades econômicas do Amazonas estão ligadas, de alguma forma, à Zona Franca de Manaus”, disse Wilson.

O governador também ressaltou os esforços para que a pandemia da Covid-19 não paralisasse atividades do Polo Industrial de Manaus.

“Nos momentos mais difíceis, durante toda a pandemia, nós não fechamos a indústria no Amazonas. A indústria continuou funcionando porque ela era fundamental também para salvar vidas. A gente viu, decisivamente, a importância que a Zona Franca de Manaus tinha não só para o Amazonas, mas para o Brasil e para a América do Sul, porque muitos produtos saíam e continuam saindo daqui”, observou.

Empresários e trabalhadores
O vice-presidente do Sindicato dos Metalúrgicos, Marcilom Silva, agradeceu, em nome da categoria, a defesa de Wilson aos trabalhadores das fábricas.

“Muito obrigado, governador. Você não sabe o bem que você fez para o Amazonas e para as famílias desses trabalhadores que eu represento. Só eu sei a alegria que você está nos dando, eu lhe agradeço muito. O chão de fábrica com certeza está com o governador Wilson Lima, estamos juntos”, disse Marcilom.

O diretor-executivo da Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo), Paulo Takeushi, também agradeceu em nome dos representantes de associações ligadas ao Polo.

“Sinto muito orgulho por estar aqui, governador, e pelas ações em prol do Polo Industrial de Manaus. Isso expressa a importância que o senhor dá a todos nós, de empresários a trabalhadores, e principalmente para o nosso Polo Industrial”, avaliou Takeushi.

Rafael Lourenço, chefe de relações institucionais da Yamaha, enfatizou que os incentivos fiscais do Polo Industrial são importantes tanto para a manutenção dos empregos existentes, quanto para a geração de novos postos.

“Quaisquer esforços no sentido de proteger esses incentivos fiscais e a integridade econômica da região é muito bem visto pelas empresas do Polo Industrial de Manaus”, pontuou.

 

 

Clique para comentar

Envie seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

1 × 3 =