Siga nas Redes Sociais

Olá, o que procuras?

Bastidores

Faltam só duas assinaturas para criar CPI do MEC no Senado, avisa Randolfe

Autor do pedido de instalação da comissão aproveitou a prisão do ex-ministro Milton Ribeiro para tentar ressuscitar a iniciativa
Waldemir Barreto/Ag. Senado

Autor do pedido para criar a CPI do MEC no Senado, Randolfe Rodrigues aproveitou a prisão do ex-ministro Milton Ribeiro na manhã desta quarta para lembrar aos interessados faltam apenas duas assinaturas para instalar a Comissão Parlamentar de Inquérito.

No dia 8 de abril, ele anunciou que havia obtido as 27 assinaturas necessárias para instalar a CPI, mas alguns senadores voltaram atrás e retiraram o apoio. Desde então, a iniciativa estava parada.

“Por tudo que conseguimos apurar através da Comissão de Educação do Senado, o #BolsolaodoMEC é ainda maior do que parece. Tem que prender quem manda também!”, declarou o senador nas redes sociais, em uma indireta a Jair Bolsonaro.

Enquanto isso, o presidente insiste na defesa da abertura da CPI da Petrobras na Câmara.

Veja abaixo a lista de signatários no Senado:

1. Randolfe Rodrigues (Rede-AP)
2. Paulo Paim (PT-RS)
3. Humberto Costa (PT-PE)
4. Renan Calheiros (MDB-AL)
5. Fabiano Contarato (PT-ES)
6. Jorge Kajuru (Podemos-GO)
7. Zenaide Maia (Pros-RN)
8. Paulo Rocha (PT-PA)
9. Omar Aziz (PSD-AM)
10. Rogério Carvalho (PT-SE)
11. Reguffe (União Brasil-DF)
12. Leila Barros (PDT-DF)
13. Jean Paul Prates (PT-RN)
14. Jaques Wagner (PT-BA)
15. Eliziane Gama (Cidadania-MA)
16. Mara Gabrilli (PSDB-SP)
17. Nilda Gondim (MDB-PB)
18. Veneziano Vital do Rego (MDB-PB)
19. José Serra (PSDB-SP)
20. Tasso Jereissati (PSDB-CE)
21. Cid Gomes (PDT-CE)
22. Alessandro Vieira (PSDB-SE)
23. Dario Berger (PSB-SC)
24. Simone Tebet (MDB-MS)
25. Weverton Rocha (PDT-MA) – anunciou que iria retirar, mas Secretaria-Geral da Mesa não recebeu requerimento até agora

Styvenson Valentim (Podemos-RN), Oriovisto Guimarães (Podemos-PR) e Rose de Freitas (MDB-ES) retiraram suas assinaturas.

 

Clique para comentar

Envie seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

seis − 1 =