Ex-candidata a vereadora em Presidente Figueiredo é acusada de aplicar golpes durante campanha eleitoral

Ex-candidata a vereadora em Presidente Figueiredo é acusada de aplicar golpes durante campanha eleitoral

 

 

Uma ex-secretária municipal em Presidente Figueiredo, cidade distante 126 quilômetros de Manaus, e também ex-candidata a vereadora, vem sendo acusada de ter aplicado golpes durante o período eleitoral. O sobrinho da ex-secretária também estaria envolvido no esquema fraudulento.

 

Segundo informações, tia e sobrinho aplicaram golpes em diversas empresas no período eleitoral do pleito de 2020, a “caloteira” que foi candidata a vereadora, aplicou golpe em empresários em materiais de campanha.

Segundo denúncia, esse mesmo material não teria sido contabilizado na prestação de contas de campanha eleitoral o que caracteriza caixa 2.

 

“Vistos frequentemente em festas e sempre ostentando, os caloteiros de figueiredo dizem que dinheiro tem de sobra, só que pagar as dívidas que é bom nada”, disse o denunciante.

 

Os empresários enganados formularam a denúncia e estão encaminhando para os órgãos competentes para que o prejuízo seja sanado.

 

“Esses cidadãos abusaram da nossa bondade, abrimos as portas e bagunçaram com nossa boa-fé”, disse um dos empresários enganados.

 

Outro empresário falou que nunca viu alguém tão cara de pau a esse ponto de fazer algo dessa natureza.

 

“A candidata que além de não ter votos, ainda viu o seu candidato a prefeito perder com grande diferença nas urnas. Mesmo sendo do grupo do ex-prefeito a família continua mamando nas tetas da prefeitura de presidente figueiredo, uma parente conseguiu um cargo de secretária, vamos informar na próxima matéria os nomes dos envolvidos e o nome da parente que se tornou secretária mesmo com a família contra a atual prefeita”.

 

Logo estaremos colocando os nomes dos golpistas.