Alberto Neto processa site que entrevistou rapaz apreendido em abordagem policial

Alberto Neto processa site que entrevistou rapaz apreendido em abordagem policial

Da redação 

O deputado federal capitão Alberto Neto (Republicanos), processou o site Amazonas Atual por ter feito uma entrevista com o rapaz que foi detido durante uma operação da Polícia Militar ‘supostamente equivocada’ em um ônibus do transporte Público de Manaus.

O deputado federal alega que o Site Amazonas Atual divulgou, no sítio eletrônico “Amazonas Atual” na internet, e ainda no canal do “site” no YouTube, no dia 9 de outubro de 2020, um vídeo com entrevista ao cidadão Adão dos Santos Almeida, acerca de abordagem supostamente equivocada, com acusação de cometimento de crime de roubo pelo referido cidadão.

Alberto Neto alega que o site Amazonas Atual estaria divulgando notícia difamatória e negativa acerca de sua pessoa, com o intuito de denegrir sua imagem junto ao eleitorado local.

De acordo com o juiz da propaganda Eleitoral, Alexandre Henrique Novaes De Araújo, em exame do vídeo impugnado, entendo que para a exata compreensão da controvérsia submetida a este Juízo, e a aferição da existência do direito pleiteado pelo representante, mister ouvir previamente a parte contrária, para só então analisar e decidir, com segurança, os pedidos por ele formulados.

“Ademais, o célere procedimento que rege o presente pedido de direito de resposta permite dimensionar que em aproximadamente 3 (três) dias ocorrerá o seu julgamento, pelo que penso haver tempo suficiente para eventualmente atender o pleito do representante, em caso de deferimento da súplica, relevando destacar, ainda, que no presente caso não resta configurado o perigo da demora”, disse o juiz.

 

Leia o documento na íntegra aqui.