Siga nas Redes Sociais

Olá, o que procuras?

Política

Wilson Lima reforça compromisso por pautas comuns à Amazônia durante Fórum de Governadores

O governador do Amazonas manifestou posicionamento durante encontro do Consórcio da Amazônia Legal em reunião preparatória para agenda com o presidente
Foto: Diego Peres/Secom

O governador Wilson Lima reforçou o discurso de governadores da região em buscar apoio do Governo Federal para pautas comuns que beneficiem a população amazônica. O posicionamento foi dado em encontro virtual do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável da Amazônia Legal, nesta segunda-feira (09/01), agendado de forma preparatória para a reunião que haverá no fim do mês de janeiro entre os chefes do executivo de cada estado com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

“O momento é que, juntos, a gente possa trabalhar para dar melhorias à população. No nosso caso, entendendo a vida de quem mora na Amazônia e ajuda a proteger nossas florestas. É preciso avançar na questão do desmatamento ilegal zero, mas também devemos dar condições de subsistência a essas pessoas”, destacou Wilson Lima aos colegas governadores da região.

Na reunião, a primeira presidida pelo novo gestor do Consórcio, o governador do Pará, Helder Barbalho, Wilson Lima sugeriu que é preciso investir na questão da regularização fundiária, na colaboração para operações na área de fronteira e no desenvolvimento regional.

As sugestões dadas pelos governadores, segundo o presidente do Consórcio, servirão de base para um alinhamento entre representantes de diretórios regionais do país com os ministros da Casa Civil, Rui Costa, e das Relações Institucionais, Alexandre Padilha, antecedendo o encontro com o presidente da República.

O Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável da Amazônia Legal (CAL) é formado pelos nove estados amazônicos: Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Maranhão, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins. Os nove estados representados no Consórcio Amazônia Legal ocupam 59% do território brasileiro, com uma população de mais de 29,3 milhões de pessoas.

Decisão judicial

Ainda na reunião, o governador Wilson Lima reforçou o cumprimento da decisão judicial proferida pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, para a retirada de pessoas acampadas em frente aos quartéis nos estados. No caso do Amazonas, em frente ao Comando Militar da Amazônia (CMA).

“Temos um pequeno acampamento em frente ao CMA e estamos cumprindo a decisão, da forma mais pacífica possível, para a retirada dessas pessoas, com o auxílio do município, órgãos federais e Exército”, informou Wilson Lima aos governadores após repudiar os atos de destruição do patrimônio público ocorridos em Brasília (DF) ainda no domingo (08).

 

Com informações da assessoria 

Clique para comentar

Envie seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *