‘Vai gerar empregos e resgatar a história’, diz Romero Reis sobre novo Complexo Booth Line no Centro de Manaus

‘Vai gerar empregos e resgatar a história’, diz Romero Reis sobre novo Complexo Booth Line no Centro de Manaus

 

A obra de revitalização do Complexo Booth Line, na região portuária do Centro Histórico de Manaus, irá finalmente sair do papel. Nesta quinta-feira (14), foi assinado o termo de cooperação entre a Prefeitura de Manaus e o Grupo Uai para o início das obras, que ficarão a cargo da RD Engenharia.

O empresário Romero Reis, dono da construtora, participou do evento. Entusiasta do desenvolvimento das potencialidades econômicas da capital, como o turismo, ele gravou um vídeo nas sociais para celebrar o ponto de partida do prédio, situado no local onde estava localizado o histórico prédio do Tribunal de Contas do Estado e a companhia de navegação inglesa Booth Line.

“Poder restaurar esse complexo, instalar aqui um mercado de origem vai movimentar o centro e contribuir com o poder público na transformação de Manaus como destino turístico internacional. Isso vai gerar milhares de empregos e resgatar a nossa história. Poder participar disso junto com o grupo Uai é um motivo de enorme satisfação”, disse.

O evento contou com a presença do prefeito de Manaus, David Almeida, do ministro do Tribunal de Contas da União, Augusto Nardes, e do presidente do grupo Uai, Elias Tergilene.

O presidente do grupo empresarial mineiro destacou que a compra do terreno na região do Centro Histórico ocorreu há muitos anos, mas que o projeto finalmente sairá do papel agora. “Compramos há 12 anos este terreno, e foi só você entrar no projeto, que o projeto virou essa grandiosidade”, declarou, em referência ao dono da RD Engenharia.

Da redação
Com informações da assessoria