Siga nas Redes Sociais

Olá, o que procuras?

Manchete

Soraya pede ao TSE que Bolsonaro não use imagens do 7 de Setembro

Senadora solicita que a Corte retire tempo de rádio e TV do presidente e distribua aos demais candidatos à Presidência
Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Candidata à Presidência, Soraya Thronicke (União Brasil-MS) entrou com ação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), na última quinta-feira 8, solicitando que o presidente Jair Bolsonaro (PL) seja impedido de usar imagens das festas do 7 de Setembro em propagandas eleitorais.

A senadora alega que, além da utilização “ilícita” dos festejos”, “a realização de evento as expensas do erário e sua exposição pública traz enorme desequiparação entre os candidatos”.

“Pede-se além das consequências próprias da representação por conduta vedada, a proibição de veiculação do evento fruto do ilícito da propaganda eleitoral dos representados”, manifesta a peça do União Brasil enviada ao TSE.

Advogada, Soraya assina a ação movida contra Bolsonaro. O PDT de Ciro Gomes também realizou pedido similar ao TSE, mas a candidata do União Brasil fez mais solicitações à Corte.

Em um dos tópicos da ação, Soraya Thronicke sugere que o TSE retire tempo de Bolsonaro no rádio e na TV e distribua aos demais candidatos à Presidência. A representação foi distribuída para o ministro Paulo de Tarso Sanseverino.

Bolsonaro no 7 de Setembro

Jair Bolsonaro participou de eventos em Brasília e no Rio de Janeiro durante o dia de comemorações do bicentenário da Independência. Na capital, pela manhã, o presidente desfilou na Esplanada dos Ministérios e, adiante, discursou para o público presente.

À tarde, Bolsonaro partiu para o Rio de Janeiro, onde participou de uma “motociata” pelas ruas da cidade. Mais tarde, o presidente subiu em um caminhão de som para discursar para a multidão reunida na Praia de Copacabana.

Clique para comentar

Envie seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

treze − 8 =