Siga nas Redes Sociais

Olá, o que procuras?

Manchete

Pros retira candidatura de Pablo Marçal à presidência e declara apoia para Lula

Eurípedes anunciou o cancelamento da candidatura própria do partido à Presidência da República neste segunda-feira, 15, e, ato contínuo, o apoio à candidatura do ex-presidente Lula.
TSE - Tribunal Superior Eleitoral Urna eletrônica

O Pros retirou a candidatura de Pablo Marçal à presidência da República e declarou apoio ao ex-presidente Lula (PT). A informação foi confirmada por Marçal que disse que a guerra pelo comando do Pros patrocinada por Eurípedes Júnior, presidente interino, levará o partido ao caos.

Eurípedes anunciou o cancelamento da candidatura própria do partido à Presidência da República neste segunda-feira, 15, e, ato contínuo, o apoio à candidatura do ex-presidente Lula.

De acordo com Marçal, a decisão levará “o PROS ao caos, configurando-se em uma Vitória de Pirro”.

“Ele age como o Rei Pirro, que em sua cruzada insana produziu grandes baixas em seu exército – ganhou a guerra, mas não valeu de nada, pois não sobrou ninguém pra ele governar”, explicou Marçal.

O outsider voltou a afirmar que se sua candidatura não for mantida pelo TSE, 911 candidatos proporcionais vão renunciar nos próximos dias, desfalcado nominatas e inviabilizando a eleição de deputados federais, o que afastará o partido da meta de ultrapassar a cláusula de barreira.

“O que Eurípedes fará com um partido sem tempo de televisão, fundo partidário e fundo eleitoral?”, perguntou o candidato a presidente.

Marçal acrescentou que sua candidatura foi homologada numa convenção legal, com assinaturas verdadeiras de delegados de todo o Brasil e que o TSE expediu o seu CNPJ.

“A convenção fake do denunciado por corrupção Eurípedes aconteceu fora do prazo, teve assinaturas falsas e será questionada na Justiça”, finalizou Pablo Marçal.

 

 

Clique para comentar

Envie seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

2 × dois =