Pai é preso após alugar casa para estuprar e torturar a própria filha

Pai é preso após alugar casa para estuprar e torturar a própria filha

Da Redação 

Um homem foi preso nessa quinta-feira (5), suspeito de estuprar a própria filha, uma adolescente de 17 anos, na cidade de Arraial do Cabo, no Rio de Janeiro. Segundo a polícia, os abusos aconteciam desde que a moça tinha apenas quatro anos de idade.

O suspeito foi detido no momento em que chegava para buscá-la na escola. O caso foi descoberto depois que a vítima decidiu contar para a pedagoga da escola que era ameaçada pelo tutor e quem ele inclusive teria alugado uma casa em outro bairro só para cometer os abusos.

A adolescente revelou ainda que os estupros se tornaram frequentes há pouco mais de dois anos e que nesse período, ele passou a monitorá-la 24h, colocou câmeras em casa, vigiava e ligava para ela a todo instante e a mantinha isolada das demais pessoas para evitar ser descoberto.

Depois que alugou o imóvel para cometer os abusos, ele a proibiu de participar das aulas de educação física e falsificou um lado médico alegando que ela sofria de um problema de saúde. Nos dias da aula, ele aproveitava para levá-la para o cativeiro onde os abusos ocorriam.

Para que filha mantivesse os abusos em segredo, o homem ainda fazia tortura psicológica ameaçando se matar se fosse preso. No momento em que ele foi detido, a vítima se desesperou com a possibilidade de ele cumprir a promessa.

A mesma vai receber acompanhamento psicológico, enquanto isso, o homem segue preso e vai responder por estupro de vulnerável.