Siga nas Redes Sociais

Olá, o que procuras?

Bastidores

Em Alvarães, módulos sanitários e sistemas de iluminação vão custar R$2,2 milhões

O documento tem a assinatura do prefeito do município
Foto: Divulgação

O prefeito Lucenildo de Souza Macedo (PSC) vai gastar  R$2,2 milhões em contratações de empresas para a construção de módulos sanitários e serviços de instalação de iluminação em LED, com objetivo de atender as necessidades de Alvarães, a 532 quilômetros da capital amazonense.

A informação foi publicada na manhã desta quarta-feira, 15, no Diário Oficial da Associação Amazonense dos Municípios (AAM). O documento tem a assinatura do prefeito do município.

Para a prestação de módulos sanitários, o prefeito contratou a empresa Fabricio dos Santos Pereira-Me inscrita sob o CNPJ nº 33.639.938/0001-05. A instituição está localizada no bairro União, em Manacapuru, e tem como atividade econômica principal “Obras de alvenaria”.

O gestor municipal contratou a empresa J de O Lemos – Me, inscrita sob o CNPJ nº 11.014.713/0001-20, para fornecer instalação de iluminação. A instituição está localizada no bairro Santa Luzia em Nova Olinda do Norte, e tem como atividade econômica principal “Serviços de alvenaria”.

O prefeito vai pagar o valor de R$ 980.148,15 à Fabricio dos Santos Pereira-Me, e de R$ 1.312.097,79 à J de O Lemos – Me.

Valor Global

Lucenildo de Souza vai pagar o valor global de R$ 2.292.245,94 às empresas, para as fornecerem os serviços ao município.

Clique para comentar

Envie seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

17 + dezenove =