Siga nas Redes Sociais

Olá, o que procuras?

Política

Alessandra Campêlo informa sobre pagamento de mais de R$ 5 milhões de subsídios da Juta e Malva

 

O ofício com pedido de pagamento dos subsídios foi feito pela deputada estadual Alessandra Campêlo, que já havia garantido em 2017, o pagamento de uma das parcelas atrasadas.

Da Redação 

Atendo ao pedido da deputada Estadual Alessandra Campêlo (MDB), em um ofício encaminhado para o governo do Estado Amazonino Mendes (PDT), no dia 4 de setembro, a Secretaria de Produção Rural do Estado do Amazonas (Sepror) fez um destaque orçamentário de mais de R$ 5 milhões, para o pagamento de pelo menos quatro parcelas atrasadas dos subsídios da Juta e da Malva.

O destaque orçamentário para o pagamento dos subsídios foi publicado no dia 13 de setembro e será definido pela Secretaria de Produção Rural. O destaque orçamentário vai garantir o pagamento das parcelas atrasadas do subsídio de Juta e Malva para produtores rurais dos municípios de Manacapuru, Anamã, Beruri e municípios que recebem o benefício.

A deputada Estadual Alessandra Campêlo, disse que encaminhou um ofício para o governador Amazonino Mendes (PDT), solicitando o pagamento dos subsídios da juta e da malva. O pedido da parlamentar foi atendido pelo atual governo e publicado no Diário Oficial Eletrônico do Governo do Estado, no dia 13 de setembro.

“Eu venho cobrando o subsídio a três anos e meio. Cobrei do ex-governador José Melo (Pros), que não pagou nenhuma parcela atrasada, cobrei o ex-governador interino David Almeida (PSB), que pagou uma das parcelas e agora tenho uma nova boa notícia, que é pagamento de pelo menos, quatro parcelas atrasadas, pela atual gestão”, disse a deputada.

Alessandra Campêlo disse que o chefe da Casa Civil respondeu em nome do governador do Estado, afirmando que já foi feito o desta que orçamentário para o pagamento de quatro parcelas atrasadas. A parlamentar disse que a autoria do destaque orçamentário foi feito pelo secretário de produção rural, Alexandre Henrique Freitas. O pagamento ainda será definido pela secretaria de produção rural.

Valores reais

Segundo Alessandra Campêlo, o destaque orçamentário para pagamento dos subsídios atrasados da juta e da malva, representa um montante de mais de R$ 5 milhões na economia do Estado.

“Os meus pedidos para os pagamentos foram feitos no mês de abril, no final do ano passado, em o mais recente, foi feito no dia 4 de setembro. E agora temos a boa notícia, do destaque orçamentário publicado no Diário Oficial de Imprensa do Governo do Estado, no dia 13 de setembro”, disse a parlamentar.

Asscom – dep. estadual Alessandra Campêlo (MDB)
Emanuel Mendes Siqueira (92) 99122-3785
Henderson Martins (92) 99350-4742
Fotos desta matéria: Emanuel Mendes Siqueira e Jimmy Christian

Clique para comentar

Envie seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

14 + onze =