Eduardo Bolsonaro afirma que bombas atômicas ‘garantem paz’

Eduardo Bolsonaro afirma que bombas atômicas ‘garantem paz’

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), presidente da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional da Câmara dos Deputados, afirmou, nesta terça-feira (14), que a posse de armas nucleares “garante a paz”. A declaração foi feita em uma audiência da comissão com representantes do Exército, Marinha e Aeronáutica.

As informações são do jornal O Estado de São Paulo.

“É como o [presidente Donald] Trump fala: um grande governo começa com grandes Forças Armadas. Se tivéssemos os caças Gripen, o Prosub [Programa de Desenvolvimento de Submarinos] já finalizado, com os submarinos nucleares que têm autonomia muito maior dentro d’água; se tivéssemos um efetivo maior, um poder bélico maior, talvez fôssemos levados mais a sério pelo (Nicolás) Maduro, ou temidos pela China ou pela Rússia”, disse o parlamentar enquanto apresentava uma palestra.

Lembrando que o Brasil assinou o Tratado de Não Proliferação Nuclear (TNP) durante o governo Fernando Henrique Cardoso, Eduardo Bolsonaro disse que o país sofreria uma série de sanções caso optasse por “atropelar” o acordo internacional e desenvolver um programa para a construção de uma bomba atômica.

“São bombas nucleares que garantem a paz ali…cadê o colega do Paquistão? Como é que é a relação do Paquistão com a Índia se só um dos lados tivesse uma bomba nuclear? Será que seria da mesma maneira que é hoje? Óbvio que não. Quando um desenvolveu a bomba nuclear, o outro desenvolveu no dia seguinte e ali está selada, ao menos minimamente, uma espécie de paz. Eu sou entusiasta desta visão”, afirmou o deputado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *